D'Autor Village - A natureza chama por si.

A história de Baião

Baião é um concelho no distrito do Porto. Tem a Sul o rio Douro, a Noroeste o rio Tâmega, a Norte e a Nordeste a serra do Marão.O povoamento destas terras iniciou-se há muitos anos. Pensa-se que terá sido no V ou IV milénio A.C. que terão aparecido os primeiros povoados, estes bem próximos de linhas de água.

Na serra da Aboboreira e na do Castelo de Matos, a realização de estudos arqueológicos, revelaram a existência de uma enorme necrópole egalítica – das maiores em Portugal – que tem aproximadamente 4 dezenas de Mamoas já identificadas. Os Celtas terão sido o primeiro povo que aqui permaneceu mais tempo. O seu domínio nesta região, está fortemente marcado por Castros, Menires e outros achados arqueológicos. A sua cultura permaneceu sempre neste enclave do Marão e ainda se faz sentir a sua presença nos dias de hoje.


À passagem da Alta para a Baixa Idade Média forma-se a terra de Baião, terra esta que era dominada por um castelo – o Castelo de Matos, que era o antigo Castelo de Penalva. Mais tarde, D. João I deu as terras de Baião a um familiar do Condestável D. Nuno Álvares Pereira.


Baião é o concelho com maior percentagem de área verde e florestas no distrito do Porto. Tem vários recursos naturais que são de uma beleza única, tais como a Serra da Aboboreira, a Serra do Marão, a Serra do Castelo de Matos ou os rios Douro, Teixeira e Ovil.
O concelho de Baião é famoso pela qualidade das suas carnes, onde o fumeiro e o anho assado no forno são reis, não esquecendo os seus vinhos.